neo concepts
Contos Eróticos da vida real
atreva-se a publicar o seu e surpreenda-se com o feedback (agora 100% abertos)
  

Conhece um conto erótico digno de ser partilhado?


O Seu Nome* : O Seu Email* :   * Deseja Receber Notificação? :
* O SEU EMAIL NUNCA será divulgado ao público. Serve apenas para você receber as notificações do seu conto.

Obrigatório: Qual o título deste conto:  

Palavra Chave/TAG 1:    escreva 4 palavras/tags que definam o seu conto,
Palavra Chave/TAG 2:    o seu conto ficará associado a estas palavras chave.
Palavra Chave/TAG 3:   
Palavra Chave/TAG 4:   

Associar uma Imagem:    Opcional. Pode associar uma imagem ou foto ao seu conto. Imagens de Sexo explícito são proibidas.
Categoria Temática:

Descreva pormenorizadamente o seu conto erótico.
Anti-spam* (ESCREVA APENAS OS 3 SÍMBOLOS A PRETO):      captcha image   




BEBEZINHA DA MAMÃE




Mais Vídeos Gratuitos? Veja aqui:

Este conto foi lido 1300 vezes.
Depois de ler este conto, porque não uma visitinha a estes desabafos Sexys:

Confissão: amante
procuro casal de confiança de sp pra fazer troca de casal tenho uma amante casada quem quizer entra ...

Publicado em 19 November 2017 | 8:06 am
Confissão: Novamente
Umas horas atras eu confessei aqui alguns erros e pecados, mas os cometi de novo. Desobediencia, s...

Publicado em 19 November 2017 | 6:44 am


E agora... O conto de beatriz :

Cresci vendo minha mamãe receber seus clientes em nossa casa e quando isso acontecia quando estava em casa ela me trancava no quarto até o ultimo cliente ir embora e assim conseguiu quitar nossa casa comprar um carro nove e me manter numa das melhores escolas de nossa cidade. Numa tarde ao tirar o fone para ir fazer xixi fiquei apavorada ouvindo mame chorando e gemendo mais que depressa consegui sair pela janela porém não consegui entrar em seu quarto só sossegando quando o cliente foi embora e enquanto preparava algo para comermos pode reparar marcas avermelhadas em seu rosto coxas e bunda além dos olhos ainda molhados por ter chorado muito. A partir disto fiquei curiosa em saber o que acontecia em seu quarto e tomada por sensações desconhecidas acabei achando um jeito de espiar seu quarto sem que ela soubesse e ansiosa tanto é que nem dormi direito aguardei a tarde do dia seguinte nem indo para o balé e assim que ela trancou o quarto sai pela janela indo para a parte superior da área de serviço e pela claraboia entrei no forro me arrastando até a entrada da luminária de onde tinha plena visão do quarto sem correr o risco de ser vista e assim cheguei a fazer xixi na calcinha vendo minha mamãe deitada no meio das pernas daquele senhor mamando com gosto naquele pinto que mão cabia em sua boca com ela segurando com as duas mãos e ainda sobrava bom pedaço ao qual se engasgava tentando engolir. Cheguei a tremer de medo sentindo a bocetinha melar e o cuzinho piscar inocentemente quando aquele senhor deu um beijo de tirar o fôlego em mamãe parecendo deixar ela sem vida e se ajeitando atrás dela afastou a calcinha de lado e meteu devagarzinho me deixando ouriçada com o escândalo que mame fazia comigo morrendo de medo dele machucar ela que quietinha aguardou aquilo sumir em sua boceta e quando dei por mim ela rebolava freneticamente em tudo aquilo que entrava cada vez mais rápido em sua boceta até ela esticar o corpo revirar os olhos dando para ver eles brancos ate ser sacudida me deixando assustada de tanto tremer caindo desfalecida na cama com o senhor indo para o banheiro com aquela tora balançando no ar com mamãe ainda ofegante parecendo ter dificuldade para respirar jogada na cama. Não deu para ouvi o que falou para mamãe voltando para ela com o cacete ainda duro e com dificuldade mame levantou pegou um creme untou aquele pinto que crescia cada vez em suas mãos e antes de deitar passou boa poção em sua bunda e se ajeitando de quatro na beijada da cama dava para ver a expressão de dor e pavor no rosto de mamãe enquanto aquela pica sumia em sua bunda e quando entrou tudo foi inútil mame implorar para que metesse devagar porque ele puxava mame pelos cabelos dava tapas em sua bunda apertava seu pescoço e metia cada vez mais rápido e forte em mamãe e quando ela tentou fugir levou vários tapas no rosto que doíam mais em mim do que nela e enlouquecida arranhava o senhor esperneava e rosnava por não consegui falar ou fugir dele que espancando mamãe gemeu alto caindo em cima dela que enfurecida empurrou ele com as pernas dando vários chutes e com dificuldade foi para o banheiro deixando ver um liquido esbranquiçado e viscoso escorrendo em sua pernas. Sentia o corpo formigar com os seios ainda em formação parecendo inchados e bem maior que o normal com um fogo irradiando minha boceta me dando uma sensação maravilhosa e quando alisei a xoxota por cima da calcinha senti como que algo explodindo nela fazendo me quase desfalecer tamanho prazer que me fez urinar na calcinha aumentando demais meu prazer a medida que fazia xixi e quase perdendo os sentidos tive meu primeiro orgasmo na vida, soube depois, ficando ali inerte tentando reviver o quanto aquilo era gostoso. Despertei uma eternidade depois quando mame apagou a luz do quarto e correndo dali avistei mamãe se despedindo do senhor com um beijo apaixonante e ao descer dali ele me viu dando me um risinho discreto, sorte mamãe não me ver e quando entrou em meu quarto me encontrou no banho comigo apavorada torcendo para que não mexesse no cesto de roupas senão encontraria meu vestido todo sujo e molhado com o prazer que sem saber havia me proporcionado. Depois deste acontecido eu mesma me trancava no quarto e me deliciava tendo orgasmos intermináveis espiando minha mamãe ate o dia que estes perderam a magia e numa noite que saindo do curso comentei com minha amiga que custou para falar que sua mãe pediu para evitar contato comigo porque na escola todo mundo sabia da atividade de mamãe e entendendo então a razão de ninguém querer ser minha amiga ao chegar em casa procurei site de putaria e na verdade não sei como começou só sei que ao completar dezesseis anos vendi minha inocência para um empresário da cidade que gostou tanto de mim que mesmo com a grande diferença de idade nos casamos com ele satisfazendo meus desejos em tudo que pedia, o problema era que me pegava quase todos os dias, no começo era maravilhoso porém esta magia acabou numa noite que comeu meu cu a força onde judiou muito de mim me machucando muito e nesta pediu que me preparasse porque em breve viajaríamos para a Espanha para passar uns dias na casa de seu filho que todos sabia que tinha grande tara por mim e mesmo ansiosa só em pensar na possibilidade de ter outro homem e o melhor com anuência de meu marido dentro de mim acabei meu relacionamento tendo que fugir dele indo me esconder na casa de minha avó depois de uma tarde em que aproveitei para visitar minha mamãe e flagrei meu marido comendo ela. Seguindo os conselhos de vovó que me deu um bom dinheiro mudei para o rio indo morar com uma amiga que hoje cuida de mim como sua filha e mesmo sendo uma empresaria bem sucedida vez ou outra atendo alguns clientes amigos em meu apto no centro da cidade. Beijos Bebezinha da mamãe.



#10121 Comentários - 27-10-2017 - 04:57 PM por beatriz - Teens - Confirmo, É EXCITANTE (9) - Nota negativa! (0)
Adicionar aos Favoritos
Enviar a um Amigo
Este conto já foi visto antes

Contamos com a sua decisão. Você leu a totalidade deste conto? Gostou? Não?

Agradecemos que faça a sua votação. Clique num dos links em cima.
Clique em "Confirmo, É EXCITANTE" se gostou do conto ou clique em "Nota negativa" se não gostou. por favor faça-o em consciência. Obrigado pela sua participação.

Comentários dos usuários:

Nota: O site Contos Eróticos (contoseroticos.mundopt.com) não se identifica com os comentários aqui publicados. Os comentários são da inteira responsabilidade dos seus autores e podem ser removidos sem aviso prévio. Se você encontrar aqui algum comentário que considere que ultrapassou todos os limites, por favor clique no link "Relatar" para o reportar à administração. Obrigado.