neo concepts
Contos Eróticos da vida real
atreva-se a publicar o seu e surpreenda-se com o feedback (agora 100% abertos)
  

Conhece um conto erótico digno de ser partilhado?


O Seu Nome* : O Seu Email* :   * Deseja Receber Notificação? :
* O SEU EMAIL NUNCA será divulgado ao público. Serve apenas para você receber as notificações do seu conto.

Obrigatório: Qual o título deste conto:  

Palavra Chave/TAG 1:    escreva 4 palavras/tags que definam o seu conto,
Palavra Chave/TAG 2:    o seu conto ficará associado a estas palavras chave.
Palavra Chave/TAG 3:   
Palavra Chave/TAG 4:   

Associar uma Imagem:    Opcional. Pode associar uma imagem ou foto ao seu conto. Imagens de Sexo explícito são proibidas.
Categoria Temática:

Descreva pormenorizadamente o seu conto erótico.
Anti-spam* (ESCREVA APENAS OS 3 SÍMBOLOS A PRETO):      captcha image   




Me Deu Mole e Comi na Rua



Divirta-se no Bate-papo do Eu Confesso. Entre por aqui.



Mais Vídeos Gratuitos? Veja aqui:

Este conto foi lido 24939 vezes.
Depois de ler este conto, porque não uma visitinha a estes desabafos Sexys:

Confissão: Atração por travestir
Bom eu tenho uma tara muito grande por trans minha esposa nem imagina às vezes fico vendo sites aond...

Publicado em 5 February 2018 | 7:13 am
Confissão: Tentação demais pra mim
existe um cara com o qual tenho uma atraçao inevitavel. Ele é muito gato, olhos verdes, cabelo lindo...

Publicado em 5 February 2018 | 6:48 am


E agora... O conto de William :

Me Deu Mole e Comi na Rua

Tudo aconteceu no dia em que fomos convidados para beber, na casa de uns amigos de minha namorada (jessica e erigian). Eles são um casal bem a vontade e estão sempre procurando aventuras novas e excitantes. Assim como eu e Larissa, minha chana de ouro.
Quando iniciamos a bebedeira lembro que rolou de tudo, bebemos pitú, vinho, 51, misturamos energético em umas bebidas, e no final estavamos todos doidos. Briguei com Larissa porque ela queria usar um narguile que a galera tava usando, mas como ela é sempre provocadora, quis usar e foi ai que toda a historia de nossa briga começou. Mesmo que estivessemos muitos excitados e com vontade de fazer sexo.
Estava revoltado com a situação afinal, avia pedido para ela não usar e ela acabou usando. Chamei ela pra conversar na rua para ver se poderia resolver a situação e fazer com que os 2 ficassem de boa e ai parece que a coisa ficou pior

Oque você quer william ?
Como assim oque eu quero não falei pra você não usar aquela porra ?
Eai que eu usei, estava todo mundo usando e eu só quis experimentar.
Ah! larissa inventa outra vai, pelo amor de Deus né.
Affs william tá bom se eu quiser usar eu vou usar e pronto tá ok .
Tá ok então é oque vamos ver.

E foi totalmente ao contrario oque ela fez, ela usou novamente a porra do narguile, eu fiquei puto com a situação e falei que ia embora já que ela não sabia me respeitar. Ela veio atrás de mim na rua e continuamos a brigar, foi uma disculsão e tanto, enquanto ela falava não sei oque aconteceu e a bebida subiu não só pra cabeça de cima mais pra cabeça de baixo também, eu estava sentindo excitação em ve-la brigar comigo, não tirava os olhos dos seus seios e de sua linda boca.
Em quanto ela falava, coloquei um dedo em sua bua com a intenção de faze-lá parar de falar e começei a beija-lá intençamente. Ficamos muitos excitados e loucos com a situação. Ela tentou continuar falando e tals, mas pedi para que ela ficasse quetinha e deixasse rolar
Ela se ajoelhou na rua próximo de uma academia que estavamos e começou a mamar meu cacete muito gostoso. Não estava acreditando no que estava acontecendo, aviamos acabado de brigar e ela estava me mamando do nada. Apenas sei que no momento não quis parar e falei pra ela continuar mamando aquela porra se não ela iria se ver comigo. Estava muito boa a mamada e eu não queria que ela paresse naquele momento.
Estava prestes a gozar quando tirei minha pica de sua boca, levantei ela deixando-a em pé e falei em seu ouvido

Dá essa bucetinha gostosa pra mim sua safada

Ela com uma cara de safada doida pra dar susurrou.

Você tem certesa que você quer ?
Ah. pode ter certesa, e quero agora
Se você quer então tá

Larissa estava com uma calça leg, mas isso não empediu ela de fazer nada, observou para ver se algum vizinho estava olhando, e quando percebi que não, abaixou suas calças sem exitar. Pegou meu cacete e começou a passar a cabeça de meu pau em sua bucetinha de modo com que ele passa-sse em seu grelinho a deixando muito mais louca, que afinal a esse ponto já escorria de tanto molhada que estava. Eu para provocar falava coisas safadas em seu ouvido, querendo esquentar cada vez mais a nossa relação.
Ela não aguentou e logo senti meu pau escorregando em sua bucetinha molhadinha e quente, era uma aventura e tanto. Acho que o fato de estarmos vivendo perigo, fazia com que nossa excitação ficasse mais fervente e deixarmos tomar conta da situação.

Ao iniciar a penetração, comecei de vagar e logo em seguida dei bombada violentas, ela se encostou em uma parede, deixando sua bucetinha empinadinha para meu cacete entrar suavemente afinal quando bebo não tem quem me segure e eu vou fundo. Estavamos muito intretido com a situação e ao mesmo tempo com medo de que alguém nos pegasse, mas isso não fazia com que parassemos e seguimos em frente. Era a noite mais aventureira que eu já avia vivido em minha vida.
Estava prestes a gozar já quando ouvimos alguém dizer

Ai casal na frente da academia “moio”
Molho, molho, molho, Na frende da academia “moio”

Estavamos sem entender e continuamos, já estava prestes a gozar, e se alguém nos pegasse pelomenos iriamos ter terminado, quando do nada ouvimos uma voz femenina dizer :

Miga?, Larissa você tá ai?, Amiga ?

Era a amiga dela Jéssica procurando por nós que já estavamos a um bom tempo “Conversando”, Se é que vocês me entendem.

Ficamos sem saber oque fazer, a amiga de minha namorada estava prestes a nos pegar no fraga. E foi oque aconteceu, quando ela chegou aonde estavamos, ainda não avia gozado e nem tirado minha pica da buceta da Larissa, e as duas ficaram conversando e dando risadas normalmente. Eu pedi pra que a Jéssica esperasse do lado de um muro que tinha ali, para que eu pudesse me vestir junto com a larissa e já falariamos com ela. Jéssica voltou para casa e contou ao seu marido oque avia visto, e quando chegamos lá eles estavam zoando com nossa cara por termos feito essa façanha

Um safadinhos estavam na rua aprontando né?
Vocês estão loucos? Estavamos conversando.

Ele deu risada e disse

Ata então oque a Jéssica viu lá fora ?
Ela não viu nada rs\'.

Eles continuaram zoando, e nós, levamos na esportiva e claro. As meninas foram conversar dentro da casa e eu e o Erigian ficamos no quintal com a sogra e o sogro dele bebendo.
Continuamos na cachaça, até não aguentarmos mais. Estavá doido para ir embora e terminar oque avia começado com Larissa na frente da academia mas tivemos uma surpresa, o casal chamou nós para dormirmos lá. Não queriamos porque estavamos com muita vontade de fuder, quando a Larissa contou para a Jéssica e eu contei para o Erigian e eles não ligaram, falaram que se quissemos fazer não teria problemas. Eu então não insistir mais e fiquei \'rs\' fomos nos deitar mas não para dormir \'hehe\', e assim como nós o outro casal estava doido para fazer essa aventura conosco e experimentar como seria a loucura de fazer sexo com outras pessoas no mesmo ambiente
Provocava Larissa falando coisas picantes em seu ouvido e chupando suas costas (Lugar onde ela mais sente tesão), pois odeio não terminar oque começo e se iamos dormir lá eu iria terminar lá, era querendo ou não.
Trato ela como minha vadia de filme porno e as coisas vão muito mais alem do que qualquer casal que tenha 11 meses possa fazer. É indispensável tudo oque ela faz pra me satisfazer, oque eu pedi ela dá, é realmente a putinha mais deliciosa que já comi e namorei até hoje, sem frescura, sem enche saco apenas faz de tudo para me satisfazer.




E foi oque aconteceu assim que todos se deitaram para dormir a putaria começou, beijei ela, chupei seu pescoço e fiz tudo que tinha direito, até que não aguentamos, ela tirou sua roupa, eu a minha e começamos a terminar oque não avia sido feito.
Estavamos com um certo receio, afinal está era a primeira vez que sabiamos que tinha alguém a mais na sala que poderia nos ver e ouvir. Não exitei em fazer nada que tinha direito, ela veio por cima de mim e cavalgo como uma eguinha, eu queria mais e fiz oque queria, comi ela de quatro, de bunda virada pra mim, até que ficamos em pé em cima da cama. O único som que um casal poderia ouvir do outro era os gemidos e o som da bunda batendo em cada cacete.
Podiamos ouvir cada som que o outro casal emitia, porem, não nos importavamos, queriamos apenas aproveitar o momento pois não saberiamos quando teriamos outro igual.
E assim que aconteceu. Vivenciamos cada momento como se fosse o último, um se doando completamente no sexo para o outro. Quando estavamos em pé podiamos ver que o outro casal já avia terminado e só estava esperando nossa boa vontade para que pudessem dormir ou mesmo acender a luz.
Infelizmente não terminei de novo e não gozei, fiquei puto de raiva e até parei de falar com ela pois foi ela que proporcionou tudo isso. Odeio que fiquem me apressando para fazer algo, ela queria terminar só porque o outro casal já avia terminado. Fiquei nervoso, puto de raiva mesmo já não queria mais porra de buceta nenhuma. Fui me deitar e deixamos tudo para o outro dia.
Acordamos tomamos café com o outro casal e depois disso nos reunimos varias vezes mais ainda não fomos mais alem do que aquele dia, em breve será o aniversario dele e com certeza ele irá chamar eu e ela e vamos ver oque ira acontecer.



#7368 Comentários - 21-04-2013 - 07:19 PM por William - Fetiches - Confirmo, É EXCITANTE (38) - Nota negativa! (21)
Remover dos Favoritos
Enviar a um Amigo
Este conto já foi visto antes

Contamos com a sua decisão. Você leu a totalidade deste conto? Gostou? Não?

Agradecemos que faça a sua votação. Clique num dos links em cima.
Clique em "Confirmo, É EXCITANTE" se gostou do conto ou clique em "Nota negativa" se não gostou. por favor faça-o em consciência. Obrigado pela sua participação.

Comentários dos usuários:

Nota: O site Contos Eróticos (contoseroticos.mundopt.com) não se identifica com os comentários aqui publicados. Os comentários são da inteira responsabilidade dos seus autores e podem ser removidos sem aviso prévio. Se você encontrar aqui algum comentário que considere que ultrapassou todos os limites, por favor clique no link "Relatar" para o reportar à administração. Obrigado.