neo concepts
Contos Eróticos da vida real
atreva-se a publicar o seu e surpreenda-se com o feedback (agora 100% abertos)
  

Conhece um conto erótico digno de ser partilhado?


O Seu Nome* : O Seu Email* :   * Deseja Receber Notificação? :
* O SEU EMAIL NUNCA será divulgado ao público. Serve apenas para você receber as notificações do seu conto.

Obrigatório: Qual o título deste conto:  

Palavra Chave/TAG 1:    escreva 4 palavras/tags que definam o seu conto,
Palavra Chave/TAG 2:    o seu conto ficará associado a estas palavras chave.
Palavra Chave/TAG 3:   
Palavra Chave/TAG 4:   

Associar uma Imagem:    Opcional. Pode associar uma imagem ou foto ao seu conto. Imagens de Sexo explícito são proibidas.
Categoria Temática:

Descreva pormenorizadamente o seu conto erótico.
Anti-spam* (ESCREVA APENAS OS 3 SÍMBOLOS A PRETO):      captcha image   




Perdi minha virgindade pro meu dog




Mais Vídeos Gratuitos? Veja aqui:

Este conto foi lido 3063 vezes.
Depois de ler este conto, porque não uma visitinha a estes desabafos Sexys:

Confissão: Quero casais ...
Ola sou do rio de janeiro e tenho a fantasia de sair com casal onde o marido queira ser corno ......

Publicado em 22 September 2017 | 12:23 pm
Confissão: Minha Prima
Voltei a ver minha prima depois de muito tempo !sempre senti atração por ela porém sempre foi tímida...

Publicado em 22 September 2017 | 12:22 pm


E agora... O conto de michelly :


Oi ! Sou a Michelly, tenho 16 anos, estudante e Minha paixão pelos contos foi me deixando cada vez mais tarada pelo meu cão, um leitora, assídua, dos contos de zoofilia dog alemão, que é o nosso vigia aqui em casa. Meus pais trabalham fora e eu sou filha única e isso me dá as tardes inteiras sozinha com o Pluto (nome do nosso cachorro). Nós nos damos muito bem e brincamos muito, rolamos na grama, corremos pelo quintal e andamos pela praça que fica em frente à nossa casa. Mas tudo começou a dois anos quando um dia eu estava deitada ao lado da piscina, de biquíni, com os olhos fechados, pegando um pouco de sol no corpo. Sabia que o Pluto estava por perto mas me assustei quando senti a língua dele me lambendo entre as minhas pernas, em cima da minha bucetinha ainda virgem. Inicialmente fechei as pernas me protegendo mas ele continuou tentando me lamber o sexo e meu tesão aflorou por inteiro e acabei deixando e ainda facilitei abrindo totalmente minhas coxas. Sentia arrepios e uma onda de calor por todo o corpo e fui ficando com o sexo todo molhado pelo suco que escorria da minha xaninha toda cheia de tesão. No meio de tanto prazer ainda tive coragem de me levantar dali, com medo que alguém me visse, e entrei logo em casa e o pluto já sentindo mais tesão que eu entrou primeiro. Fui logo pro meu quarto e quando ele entrou tranquei a porta pra ficar bem à vontade. Me deitei na cama com as pernas pra fora e ofereci minha buceta pra ele lamber e com um tesão louco fui afastando o biquíni pro lado e sentindo a língua do Pluto entrar entre os pequenos lábios da minha xana e sorver todo o gozo que escorria abundante da entradinha, ainda fechada, da minha bucetinha toda tesuda. O pluto foi ficando cada vez mais animado e acabou subindo sobre o meu corpo com suas patas dianteiras me envolvendo e puxando de encontro ao corpo dele. Assim como eu, ele também estava louco pra meter bem gostoso. Agora ele me lambia o rosto todo. Senti sua respiração ofegante. Sua língua lambia a minha boca me dando um louco desejo de tê-lo dentro de mim. O Pluto já estocava deliciosamente e eu sentia a ponta do seu sexo batendo em cima do meu biquíni procurando a entrada da minha grutinha molhada. Na luxuria daquele momento eu me vi abraçada ao meu cachorro, minhas pernas enroscadas no trazeiro dele enquanto eu avançava meu sexo procurando o dele. Nesse momento eu senti uma onda de prazer percorrendo todo o meu corpo e tive o meu primeiro orgasmo enquanto sentia minha buceta se contraindo compassadamente por muitas vezes. Me desprendi do Pluto e me levantei da cama e pude ver a ponta da pica dele para fora, seu pau grosso e comprido e aquela bola enorme no seu pau inchado de tesão. Os esguichos do cacete do Pluto tinha molhado totalmente meu biquíni e eu acabei tirando-o e ele imediatamente enfiou o focinho no meio das minhas pernas e me lambeu, deliciosamente, a buceta e quando a língua passava sobre o meu clitóris eu gritava de prazer. Fui ficando ainda mais doida de vontade transar com o meuj cachorro mas algo ainda me fazia temer o Pluto. Imaginava como seria delicioso sentir todo aquele pau entrando em mim e inchando todo ficar esguixando o gozo bem lá no fundo da minha grutinha. Mas naquele momento o que fiz, mesmo, foi colocar uma calça jeans e me deitar novamente na cama. O pluto não arredava de perto de mim e acabou subindo na cama pra continuar a cheirar a minha buceta. Teve uma hora que ele colocou o focindo bem em cima do meu grelinho e forçava tentando achar uma entrada pra me lamber o sexo. Abri o zíper e ele enfiou a língua pela abertura e conseguiu tocar na minha buceta. Nós estávamos em posição de 69 e o cacetão dele estava bem acima dos meus olhos e eu podia ver aquele pauzão pingando de desejo por mim. Levei uma de minhas mãos ao seu sexo e fui punhetando devagarzinho o seu pau e puxando a capa para traz e pude ver todo o explendor daquela ferramenta do prazer. A bola ficou logo grande e o pau inchou e se expandiu todo. Olhando pra cima eu vi, bem pertinho da minha boca aquilo que era o que minha bucetinha mais queria naquele momento. Resolvi que não agüentava mais esperar e queria sentir minha buceta sendo penetrada pelo pinto do Pluto. Mas tinha certeza que não era, ainda, a hora de deixar que ele me enfiasse até a bola do seu pau pois, na certa, iria doer muito sendo a minha primeira vez. Então me levantei, tirei a calça me deitei novamente na beirada da cama com as pernas para fora, abertas ao maximo, e chamei o Pluto. Ele entendeu logo e me montou novamente. Deslizei a mão por baixo, entre nós dois, e segurei seu pau por traz da bola dura e enorme e direcionei a pontinha daquele cacetão grosso e compridão bem na entrada toda molhada da minha buceta e senti a quentura maravilhosa e minha grutinha começou a escorrer um mel lubrificante que fez o pau do Pluto deslizar lentamente em direção ao meu cabacinho. Senti um prazer indescritível e minha xana se dilatando e envolvendo aquele pau delicioso. Eu comandava a penetração por isso não sentia dor alguma. Deixei minha buceta se acostumar com o pau do Pluto e eu já gozava abundante enquanto sentia minhas contrações alucinantes. Da ponta até a bola a pica tinha mais de 18 centimetros e eu sabia que daria para agüentar já na minha primeira vez mas a grossura me assustava um pouco, daí eu ter deixado minha bucetinha se acostumar primeiro com o pedaço que já tocava meu cabacinho. Meu corpo começou a se mexer loucamente e descontrolada eu sentia meus quadris avançando de encontro ao cacete duro do Pluto e num dado momento meu cabacinho se rasgou todo e aquele nervo duro e quente me penetrou mais fundo e a cada avanço da minha pelvisl eu puxava e sentia o pau entrar cada vez mais até que a bola me comprimiu os lábios carnudos e inchados da buceta. Eu me derretia em prazer enquanto, com a mão, enfiava fundo e tirava aquele pauxão da minha buceta. Sentia as contrações da minha xana apertando todo o cacete do pluto que tremia de tanto prazer. Me acabei de tanto gozar e quando não agüentei mais de tão cansada retirei aquela pica ainda dura e pingando prazer de dentro de mim e deitada na cama ainda fiquei sentindo as contrações da minha xana. Depois de descansar um pouco tomei um banho e coloquei o pluto no quintal antes que meus pais chegasse. Muitas vezes nas tardes que estava sozinha em casa eu repeti a minha transa com o Pluto mas depois de alguns meses eu acabei por satisfazer a minha louca vontade que era ser uma cadelinha para o meu Pluto. Me lembro que na escola eu não conseguia nem prestar atenção na aula naquele dia. Só estava pensando em chegar logo em casa e me entregar, todinha, para o meu querido machão. Enfim a aula terminou e eu fui correndo pra casa, já sentindo minha calcinha molhadinha de tanto tesão que eu sentia. Sabia que hoje seria uma metida completa pois o Pluto iria me possuir normalmente como ele faz com as cadelas e eu só teria que me entregar pra ele e gozar plenamente. Quando cheguei em casa ele logo me viu e adivinhando foi logo entrando no meu quarto e ficou babando de tesão enquanto eu tirava toda a minha roupa e ele podia já sentir o cheiro da minha buceta. Peguei um par de meias e vesti nas patas dianteiras dele e prendi com esparadrapo. Coloquei um colchonete no chão pra não machucar os joelos e fiquei de quatro, igual a uma cadela, e ofereci minha buceta pra ele comer todinha. O Pluto andou em volta de mim e cheirou minha xana demoradamente, me lambeu e de um salto subiu sobre mim e começou a dar estocadas nas minhas coxas, na minha bundinha. Eu enfiei o rosto no colchonete, arrebitei minha bucetinha que ficou bem na direção do cacete dele. Senti o cacete tocando nela e quando o cachorro sentiu a quentura da entrada arqueou todo o corpo de encontro ao meu e o pau entrou bem fundo. Agora ele começou a meter loucamente e eu comecei a sentir seu pau indo cada vez mais pra dentro, dilatando todo até que a bola ocupou toda a minha bucetinha e o pau do pluto ficou preso dentro de mim. Eu fazia carinhos nele e sentia ele babando de prazer enquanto seu pau se contraia todo dentro de mim. Ficarmos gozando juntos por uns 30 minutos. Doíam os meus joelhos mas o prazer era demais. Senti, enfim, ele derramando seu esperma bem no fundo da minha bucetinha e a bola ficando molinha e em seguida o pluto descer de cima de mim com seu pauzão pingando nossos sucos. Me senti completamente satisfeita e depois desse dia transamos sempre o mais completo possível, sempre engatadinhos. Agora já ensinei o pluto a me comer no modo papai-e-mamãe (ficou deitada na cama com as pernas pra fora) e tenho gostado muito. Amigas se quizerem trocar experiências meu Email: michelly_castro_16@hotmail.com



#10088 Comentários - 12-07-2017 - 07:35 PM por michelly - Zoofilia - Confirmo, É EXCITANTE (22) - Nota negativa! (2)
Adicionar aos Favoritos
Enviar a um Amigo
Este conto já foi visto antes

Contamos com a sua decisão. Você leu a totalidade deste conto? Gostou? Não?

Agradecemos que faça a sua votação. Clique num dos links em cima.
Clique em "Confirmo, É EXCITANTE" se gostou do conto ou clique em "Nota negativa" se não gostou. por favor faça-o em consciência. Obrigado pela sua participação.

Comentários dos usuários:

Nota: O site Contos Eróticos (contoseroticos.mundopt.com) não se identifica com os comentários aqui publicados. Os comentários são da inteira responsabilidade dos seus autores e podem ser removidos sem aviso prévio. Se você encontrar aqui algum comentário que considere que ultrapassou todos os limites, por favor clique no link "Relatar" para o reportar à administração. Obrigado.